O sacerdote e autor de renome internacional, professor respeitado e amado pastor Henri Nouwen escreveu 39 livros sobre a vida espiritual. Ele se correspondeu regularmente em inglês, holandês, alemão, francês e espanhol com centenas de amigos e alcançou milhares por meio de suas celebrações eucarísticas, palestras e retiros. Desde sua morte em 1996, um número cada vez maior de leitores, escritores, professores e pesquisadores foram guiados por seu legado literário. Os livros de Nouwen venderam mais de 8 milhões de cópias e foram publicados em mais de 28 idiomas. Nascido em Nijkerk, Holanda, em 24 de janeiro de 1932, Nouwen sentiu-se chamado ao sacerdócio desde muito jovem. Foi ordenado sacerdote diocesano em 1957 e estudou psicologia na Universidade Católica de Nijmegen. Em 1964 mudou-se para os Estados Unidos para estudar na Clínica Menninger. Ele passou a lecionar na Universidade de Notre Dame e nas Divinity Schools de Yale e Harvard. Por vários meses durante a década de 1970, Nouwen viveu e trabalhou com os monges trapistas na Abadia de Genesee, e no início da década de 1980 viveu com os pobres no Peru. Em 1985, ele foi chamado para se juntar à L’Arche em Trosly, França, a primeira de mais de 100 comunidades fundadas por Jean Vanier, onde pessoas com deficiências de desenvolvimento vivem com assistentes. Um ano depois, Nouwen veio morar em L’Arche Daybreak perto de Toronto, Canadá. Ele morreu repentinamente em 1996.

Menu